COMO TIRAR O PASSAPORTE COMUM (Atualizado – 2021)

Em apenas 7 passos simples, de forma clara e objetiva.



"Me lembro da primeira vez que tirei o passaporte (2010) e imaginava ser o processo mais burocrático e complexo do mundo, achando que talvez nem conseguiria emiti-lo. "(bobagem minha)

Para tirar o passaporte comum você precisará reunir os documentos necessários, pagar uma taxa e comparecer duas vezes no posto da Polícia Federal, sendo uma para levar os documentos e outra para buscar o passaporte pronto. Vou detalhar abaixo cada etapa do processo:


Caso queira emitir passaporte para menores, pode consultar o outro post onde falo sobre regras específicas:







1. REUNIR DOCUMENTOS


Recomendo antes de qualquer coisa conferir a lista de documentos solicitada para evitar transtornos futuros por falta de alguma documentação. A lista abaixo pode sofrer variação quando se tratar de menor de idade ou outros casos específicos

  • Documento de identidade (RG, Funcional reconhecida por lei federal, CNH ou Carteira de Trabalho. O passaporte anterior também é válido, ainda que esteja vencido).

  • CPF (Se o número constar na Cédula de Identidade, CNH ou Carteira de Trabalho não é necessário apresentar o original)

  • Certidão de casamento ou óbito (Caso tenha alterado seu nome)

  • Certificado de naturalização (para os naturalizados)

  • Passaporte anterior VÁLIDO

Não é mais necessário apresentar título de eleitor, comprovantes de votação ou de serviço militar, no caso dos homens. No entanto, é necessário que você esteja regular com a justiça eleitoral e serviço militar, pois é feita uma checagem no momento da emissão do passaporte. Caso a checagem aponte divergência, pode ser necessário apresentar título de eleitor, comprovante de votação ou de serviço militar.

Confira sua situação no site do TSE e do Exército.


2. PREENCHER O FORMULÁRIO DE SOLICITAÇÃO


Você deve acessar o site da Polícia Federal e clicar no botão INICIAR na página de passaportes, conforme imagem abaixo:



A partir disso, preencherá quatro telas com informações pessoais bem simples e rápido. Esteja com documentos em mãos para facilitar o preenchimento. No final, faça uma revisão para garantir que tudo está correto e pode enviar, gerando assim um número de protocolo e a GRU no valor de R$257,25 para pagamento.




3. PAGAR BOLETO


O boleto pode ser pago nos bancos, lotéricas ou pela internet. Somente após o pagamento da GRU é que o site vai liberar o calendário para agendamento da entrevista, portanto pague o quanto antes. A compensação do pagamento geralmente acontece em 1 dia útil.

Na data desse post (Fev/21) o valor é de R$257,25.


4. AGENDAR ATENDIMENTO


Após a compensação bancária, você deverá acessar a página de agendamento da entrevista e informar o CPF, número de protocolo e data de nascimento. O sistema indicará as cidades e postos disponíveis, assim como os dias e horários livres em cada um deles.

Lembrando que você pode agendar até 6 entrevistas no mesmo processo, caso esteja com mais pessoas para tirar o passaporte com você.

Por questões de segurança, é possível reagendar apenas duas vezes a cada 30 dias.



5. COMPARECER AO POSTO DA POLÍCIA FEDERAL


Leve os documentos listados no primeiro tópico no posto da Polícia Federal no dia e hora marcado.

Além da entrega dos documentos, será coletada uma foto e também impressões digitais. A exceção da foto é para crianças com menos de 5 anos, que exigem uma fotografia facial no tamanho 5×7, recente, colorida e com fundo branco.

Feito isso está finalizado, bastando apenas aguardar o prazo de aproximadamente 6 a 7 dias para buscar o passaporte. Te entregarão um protocolo com a possível data e você pode consultar o andamento clicando aqui e digitando o número do protocolo e CPF.


6. CONSULTAR O ANDAMENTO


Feito isso está finalizado, bastando apenas aguardar o prazo de aproximadamente 6 a 7 dias para buscar o passaporte. Te entregarão um protocolo com a possível data e você pode consultar o andamento clicando aqui e digitando o número do protocolo e CPF.


7. BUSCAR O PASSAPORTE


Compareça ao posto da Polícia Federal com um documento de identidade original e faça a retirada! A entrega é feita apenas ao titular – no caso de menores de idade, eles devem comparecer acompanhados dos pais ou responsáveis legais. O passaporte é cancelado se não for retirado em até 90 dias.

Caso ainda tenha alguma dúvida, assista o vídeo abaixo onde falo um pouco mais sobre o passaporte comum e no final da postagem algumas perguntas frequentes que podem te ajudar. Não hesite em mandar uma mensagem, caso queira falar sobre alguma dúvida que não esteja aqui.





PERGUNTAS FREQUENTES


1. PODE TIRAR PASSAPORTE COM O NOME SUJO?

Sim. Não tem nenhum problema tirar passaporte com nome sujo. A Polícia Federal não consulta negativações.


2. COMO RENOVAR MEU PASSAPORTE QUANDO ELE VENCER?

Não há possibilidade de renovação, ou seja, precisará fazer um novo passaporte “do zero”.


3. PERDI/ESTRAGUEI, EXTRAVIEI OU ROUBARAM MEU PASSAPORTE. E AGORA?

Se isso aconteceu aqui no Brasil, é só ir até o posto da Polícia Federal mais próximo com seus documentos (ou um boletim de ocorrência caso eles tenham sido roubados também) e solicitar outro. Mas se alguma coisa dessas aconteceu no exterior, comunique imediatamente as autoridades locais e realize um boletim de ocorrência, com isso você poderá solicitar um novo documento pelo Consulado Brasileiro.


4. NÃO TENHO O DOCUMENTO ORIGINAL, POSSO LEVAR CÓPIA AUTENTICADA?

Não. Os documentos devem ser apresentados em via original, não podem conter rasuras e devem estar válidos, caso possuam validade expressa. Segunda via do documento é aceita normalmente. Após a conferência, os documentos são restituídos ao titular.


5. EM QUAIS CIRCUNSTÂNCIAS O DOCUMENTO DE IDENTIFICAÇÃO PODE SER NEGADO?

Não sendo possível identificar o titular do documento por qualquer razão (fotografia antiga, rasuras, erros, rasgos etc), o documento será recusado.

Já nos casos em que o documento não possui algum dado pessoal imprescindível, o solicitante pode apresentá-lo junto com outro documento oficial ou certidão, que possa complementar com o dado faltante. São imprescindíveis os seguintes dados pessoais: nome completo, data de nascimento, local de nascimento e nome dos pais.


6. NÃO POSSO APRESENTAR MEU PASSAPORTE ANTERIOR, O QUE ACONTECE NESSE CASO?

Se você perdeu seu passaporte válido, ou se ele foi extraviado ou destruído, apresente uma comunicação de ocorrência no dia do atendimento (não é necessário fazer boletim de ocorrência nesses casos). Nestes casos, porém, por força a Portaria nº 2.368/2006 – GAB/MJ e da Portaria 927/2025-MJ, a taxa total de emissão cobrada será maior que a taxa comum, totalizando R$ 514,50.


7. COMPLETO 18 ANOS NESTE ANO, PRECISO COMPROVAR REGULARIDADE COM O SERVIÇO MILITAR?

Não, a comprovação de regularidade com o serviço militar obrigatório só se inicia no dia 1º de janeiro do ano em que completar 19 anos.


8. COMPLETO 46 ANOS NESTE ANO, PRECISO COMPROVAR REGULARIDADE COM O SERVIÇO MILITAR?

Não, a comprovação de regularidade com o serviço militar obrigatório se encerra no dia 31 de dezembro do ano em que completou 45 anos.